Distribuidora de produtos químicos

Você sabe o que significa VOC ?

Você sabe o que significa VOC ?

Você sabe o que significa VOC ?

12/08/2020

A redução de compostos orgânicos voláteis (VOC) nas formulações de produtos químicos se tornou nos últimos anos uma grande tendência. E não é para menos, os impactos ambientais e para a saúde são pauta e preocupação constante de grande parte das indústrias. Dentro do nosso portfólio, temos diversos produtos alternativos para aplicação em tintas e revestimentos que permitem a formulação de produtos econômicos, standard, premium e super premium, com baixo VOC e baixo odor. 


Mas você sabe o que são os compostos orgânicos voláteis, popularmente conhecidos através da sua sigla VOC ?


Os compostos orgânicos voláteis são componentes químicos presentes em diversos tipos de materiais sintéticos ou naturais, e se caracterizam pela sua alta pressão de vapor, o que faz com que se transformem em gás ao entrar em contato com a atmosfera. 

Podemos encontrar os compostos orgânicos voláteis em diversos tipos de materiais de uso cotidiano, como repelentes, produtos de limpeza, cosméticos, inseticidas, carpetes, móveis, cola, combustíveis, marcadores permanentes e até mesmo em pranchas de surf. Porém, uma das principais fontes de VOC fabricados pelo homem são as tintas, revestimentos protetivos e solventes.  Resumidamente, todo material sintético que tem algum tipo de cheiro possui VOC’s em sua composição, e podemos encontrá-los também na natureza, quando liberados pelas plantas.

Vale lembrar que nem todos os compostos orgânicos voláteis fazem mal à saúde, e muitos compostos encontrados em perfumes, cosméticos ou os liberados por plantas não são necessariamente danosos.


Mas e quais são os riscos e problemas que eles podem causar?


Alguns VOCs podem reagir com óxidos de nitrogênio e ozônio e gerar subprodutos causadores de problemas de saúde ou poluição atmosférica, contribuindo diretamente para as mudanças climáticas. Foram notificados casos de alergias, irritação da pele e nos olhos, sensibilização, efeitos do sistema nervoso central, carcinogenicidade e efeitos hepáticos e renais em animais e humanos experimentais. As agências reguladoras usam os resultados de diversos estudos e estabelecem limites seguros para cada VOC considerado seguro para a exposição humana. Estes limites são regidos por legislações que podem ter variações de um país para outro.

A exposição a esse tipo de material pode causar dor de cabeça, alergia cutânea, irritação dos olhos, nariz e garganta, falta de ar, fadiga, tontura e falta de memória. Durante longos períodos de exposição, os compostos orgânicos voláteis podem causar danos ao fígado e ao sistema nervoso central. Além disso, alguns tipos de compostos orgânicos voláteis, como o benzeno, encontrado na fumaça dos cigarros, de carros e em combustíveis, são conhecidos por causar câncer em seres humanos. Já o diclorometano, presente em removedores e no spray aerossol, ao entrar no corpo humano, se transforma em monóxido de carbono (CO). Em uma intoxicação por CO, as hemoglobinas do nosso sangue encontram maior dificuldade em distribuir o oxigênio pelo corpo, podendo acarretar morte por asfixia.


E de que maneira podemos ser expostos a estes produtos?


Os compostos orgânicos voláteis geralmente entram no corpo através de inalação (respiração) ou contato com a pele, mas não existe nenhum tipo de protocolo oficial sobre como evitar os compostos orgânicos voláteis. A sugestão das agências reguladoras é evitar o uso de produtos que possam apresentar tais substâncias e quando utilizar, seguir as instruções do fabricante. Vale lembrar o cuidado com o descarte das suas embalagens e manter sempre fora do alcance de crianças e animais.


Sobre ADDITIVA

A ADDITIVA é uma empresa distribuidora de produtos químicos que atua em diversos segmentos industriais. Nosso portfólio é composto de produtos fabricados pelas principais empresas químicas do mundo, o que nos permite garantir qualidade e contribuir com o sucesso dos nossos clientes em quase todos os setores e estados do Brasil.  Além do segmento de químicos, nossa unidade de impressão 3D, a ADDITIVA 3D Printing Technologies, oferece um dos mais amplos portfólios de materiais de alta performance na área de manufatura aditiva. Para mais informações acesse: www.additiva.com.br / www.additiva3d.com.br.


Clique para Ligar
Fale por WhatsApp