Distribuidora de produtos químicos


Fale com o CEO

Você sabia que a impressão 3D já invadiu até mesmo os bastidores de Hollywood?

Você sabia que a impressão 3D já invadiu até mesmo os bastidores de Hollywood?

Você sabia que a impressão 3D já invadiu até mesmo os bastidores de Hollywood?

26/08/2021

Não é novidade que a manufatura aditiva proporciona diversas vantagens para os mais variados segmentos de mercado, desde a criação de protótipos ou modelos funcionais até desenvolvimentos mais complexos para as áreas da saúde como medicina e odontologia. As peças impressas podem ser completamente customizadas, possuem baixo custo unitário de produção e podem ser extremamente leves, dependendo do material e parâmetros de preenchimento na impressão.

Mesmo após quase duas décadas do século XXI, a tecnologia de impressão 3D já não nos assusta mais, no entanto, ainda nos surpreende.

 

Você sabia que filmes como THOR (2011), RoboCop (2014) e Homem de Ferro (2008) utilizaram a impressão 3D em sua produção?

 

Com a impressora 3D que há anos é explorada na produção de jogos e animações, objetos e trajes de personagens de grandes produções cinematográficas podem ser criados com o design ideal e riqueza de detalhes, sendo uma ótima ferramenta para efeitos especiais. As imagens geradas por computador ganham vida com a impressão 3D, deixando as filmagens com uma aparência muito mais realista.

A impressão 3D no cinema é utilizada, principalmente, na prototipagem de objetos, como o capacete do RoboCop e o martelo do Thor, e, também, de trajes, como partes da armadura do Home de Ferro.

 

Outros filmes que também utilizaram a impressão 3D foram MIB: Homens de Preto, Vingadores: Era de Ultron, Velozes e Furiosos, Guardiões da Galáxia, entre outros. A tecnologia já é uma das preferidas dos designers de produção de Hollywood, pois possibilita a impressão de personagens e de elementos de cenário. Não apenas útil para a impressão 3D de objetos, roupas e personagens para as filmagens, a impressão 3D também é considerada para produzir efeitos especiais que são imperceptíveis aos olhos humanos, enriquecendo muito os filmes recheados de efeitos especiais.

A Stratasys, empresa mundial especializada em impressão 3D, antenada com as inúmeras possibilidades para a tecnologia, está auxiliando as indústrias cinematográfica e aeroespacial a transformarem em realidade ideias que, há até alguns anos, seriam impossíveis ou demorariam meses para serem concebidas.

 

Em parceria com o estúdio de animação em stop-motion Laika, a Stratasys deu acesso em primeira mão à impressora 3D J750, que foi usada na produção de “Link Perdido (Missing Link)”, vencedor do Globo de Ouro 2019 na categoria Melhor Filme de Animação.

 

Fato é, que as tecnologias de impressão 3D, além de já terem conquistado diversos mercados, devem permanecer nas produções de cinema por muito tempo. As impressoras 3D já existem em diversos modelos, tipos e tamanhos, assim como suas impressões podem durar alguns minutos como também horas, dependendo do que está sendo prototipado. O mercado ainda tem muitas maneiras de se beneficiar com o uso desta tecnologia e proporcionar a todos nós, fãs de Hollywood, experiências cada vez melhores.


Autora do artigo: Francine Pereira

 


Sobre a ADDITIVA:

Distribuidora de especialidades químicas que atua em mais de 15 segmentos industriais, que vão de tintas e revestimentos, construção civil, couro e têxtil, cerâmica, metalworking, agroquímicos, biopolímeros compostáveis até filamentos e resinas fotocuráveis para impressão 3D. Possui três centros de distribuição que estão localizados em Canoas/RS, Mauá/SP e Itajaí/SC, além da sua sede administrativa em Porto Alegre/RS e de sua equipe de vendas distribuída por todo território brasileiro.

Clique para Ligar
Fale por WhatsApp

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias para oferecer melhor experiência e conteúdos personalizados, de acordo com a nossa Política de Privacidade. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.


Li e aceito as políticas de privacidade.